English | Português
Acção JM > 16,540 0,52 % 22-08-2017, 11:50 GMT+1

Biodiversidade

Reconhecemos a importância da Biodiversidade para a sustentabilidade das comunidades onde desenvolvemos as nossas actividades.

Consideramos que temos uma responsabilidade acrescida na protecção da diversidade biológica, por isso a avaliação dos riscos ambientais das nossas actividades é crucial para se aferirem as ameaças e as oportunidades de melhoria. Tentamos, sempre que possível, envolver outros parceiros da cadeia de abastecimento, em especial os fornecedores.

Avaliamos os riscos relacionados com os serviços dos ecossistemas tendo por base a metodologia Ecosystem Services Review, proposta pelo World Research Institute, e definimos 11 eixos prioritários de acção que conduzem os projectos e práticas de gestão do Grupo, nomeadamente:

  • Gestão da informação;
  • Formação;
  • Parcerias com fornecedores;
  • Investigação e Desenvolvimento.

Entre os projectos de investigação que desenvolvemos e apoiamos, destacamos a caracterização dos potenciais riscos das espécies de pescado mais vendidas pelas Companhias em Portugal e Polónia. Esta análise identificou aspectos como o nível de exploração de stocks, os impactes sobre os ecossistemas e as comunidades envolventes, a rastreabilidade e as condições laborais, concluindo que nenhuma das espécies comercializadas apresentava risco elevado.

Em 2016, foi avaliado o grau de vulnerabilidade de todas as espécies de pescado comercializadas em Portugal e na Polónia, com base na Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN Red List of Threatened Species). Do total de espécies adquiridas em 2015, menos de 8%, em número, apresentam algum nível de risco.

  • 14 espécies, 18% do total adquirido (kg), estão classificadas com o nível "Vulnerável", o mais baixo para as espécies ameaçadas;
  • 5 espécies, menos de 0,8% do total adquirido (kg), estão classificadas como "Em Perigo", nível intermédio de risco, sendo que para um dos casos foi possível assegurar a sua produção total em regime de aquacultura;
  • 1 espécie, menos de 0,0004% to total adquirido (kg) está classificada como "Criticamente em Perigo", o nível máximo de risco. A sua comercialização foi descontinuada em Junho de 2016 uma vez que não foi possível assegurar a sua produção, ao longo de todo o ciclo de vida, em regime de aquacultura.

No âmbito da agricultura, e depois da realização de um estudo sobre as práticas de fornecedores portugueses do Grupo, foi desenvolvido em conjunto com os nossos parceiros produtores de fruta e vegetais, um manual para promover a utilização de métodos de produção que potenciem, entre outros aspectos, a protecção da biodiversidade.


PARCERIAS E APOIOS

O Grupo apoiou as seguintes iniciativas focadas na promoção de projectos de recuperação de habitats naturais e de protecção da diversidade biológica: 

Instituição Projecto
Oceanário de Lisboa Oceanário de Lisboa
Quercus Campanha "SOS Polinizadores"
World Wildlife Fund (WWF) "Green Heart of Cork"
Liga para a Protecção da Natureza (LPN) ECOs-Locais
European Recycling Platform (ERP) - Portugal "Geração Depositrão"
Jardim Zoológico Apadrinhamento do Lémure-de-cauda-anelada

Em Janeiro de 2016, o Grupo atribuiu, no âmbito do Green Project Awards Portugal, o "Prémio de Investigação e Desenvolvimento Jerónimo Martins-Green Project Awards", no montante de 20 mil euros, ao projecto "Detergentes Verdes". Este investiga a utilização de resíduos vegetais no desenvolvimento de produtos de limpeza com menor impacto na água e na biodiversidade.