English | Português
Acção JM > 15,495 0,10 % 23-03-2017, 16:39 GMT

Política de Apoio às Comunidades Envolventes

A Política de Apoio às Comunidades Envolventes sistematiza apoios prioritários concedidos a projectos e instituições que se dedicam a combater a subnutrição e a fome, os ciclos de pobreza e a exclusão social.

Estabelecida em 2011, a Política de Apoio às Comunidades Envolventes pretende dar resposta a alguns dos desafios que se colocam às sociedades onde o Grupo desenvolve a sua actividade, nomeadamente no combate à subnutrição e à fome, assim como a eliminar os ciclos de pobreza e de exclusão social junto de dois grupos preferenciais: os idosos, e as crianças e jovens carenciados.

Os apoios, quer a nível central quer a nível local, são prestados sob a forma de doação de géneros alimentares, de vales de compra rebatíveis na aquisição de géneros alimentares, produtos de higiene pessoal e doméstica ou sob a forma de apoios directos (monetários) e indirectos (promovendo campanhas solidárias e agindo como facilitador).

Também é considerada a participação junto de instituições que realizem trabalho pedagógico dirigido a crianças e jovens em risco, que permita travar o abandono escolar e a exclusão social e que incentive o empreendedorismo.


MEDIÇÃO DE IMPACTOS

Através da partilha de boas práticas de monitorização e de um modelo estruturado de avaliação de impactos nas comunidades envolventes a curto e médio prazo, pretende-se que o Grupo possa contribuir para ser um agente de mudança social. Monitorizamos, anualmente, os apoios concedidos através dos critérios delineados pelo London Benchmarking Group.

Em relação às instituições apoiadas continuadamente pela holding do Grupo, actualiza-se anualmente a informação sobre a missão, os objectivos de actividade, bem como sobre o número de beneficiários.

Esta informação é complementada com dados fornecidos pelas instituições e com visitas de avaliação que permitem avaliar as condições das infra-estruturas e do serviço oferecido aos beneficiários.