English | Português
Acção JM > 17,425 0,46 % 24-05-2017, 16:35 GMT+1

Apoios Directos e Indirectos

No contexto de uma conjuntura económica difícil, mantivemos o compromisso de apoiar várias instituições que realizam trabalho social relevante.

APOIOS DIRECTOS

Em 2016, apoiaram-se mais de mil instituições de forma directa perfazendo 18 milhões de euros. Este valor representa um aumento de 3% face a 2015.

Institucionalmente, o Grupo apoiou mais de 40 instituições, doando mais de 1,5 milhões euros. Deste montante, 71% foram destinados à área educativa e 27% à área social.

Manteve-se o apoio, iniciado em 2015, à Academia do Johnson, o projecto comunitário que tem como missão o combate à exclusão social e o abandono escolar de cerca de 140 crianças e jovens provenientes de comunidades vulneráveis na região de Lisboa.

Esta Academia promove a prática de desporto como forma de desenvolvimento de competências comportamentais, sociais e técnicas que ajudem a prevenir situações de risco nas suas vidas e que potenciem a sua integração na sociedade.

O Pingo Doce apoiou, em géneros alimentares e em valor monetário, mais de 440 instituições que cumprem uma missão social nas comunidades envolventes. Estes apoios fixaram-se em mais de 15,4 milhões de euros, um crescimento de mais de 5% face ao ano anterior.

Os apoios do Recheio, Jerónimo Martins Distribuição de Produtos de Consumo (JMDPC), Jerónimo Martins Restauração e Serviços (JMRS) e a Hussel a instituições sociais totalizaram 451 mil euros, essencialmente em géneros alimentares.

Na Polónia, o montante dos apoios às instituições e iniciativas que ajudam a combater a fome e a subnutrição, que procuram sensibilizar a sociedade para causas sociais como a importância da alimentação saudável, o bem-estar das crianças institucionalizadas e a centralidade da família, fixou-se em mais de 385 mil euros.

Tal como em anos anteriores, no âmbito do Dia Mundial da Criança, a Biedronka apoiou a campanha "Vamos Ficar Juntos" desenvolvida em conjunto com a Caritas Polska para fomentar o reforço de laços entre as crianças e as suas famílias. Num investimento de cerca de 170 mil euros, a campanha teve lugar em 21 cidades de várias regiões da Polónia, registando-se mais de 200 mil crianças e pais que tiveram a oportunidade de usufruir de várias acções de entretenimento e de géneros alimentares oferecidos pela Biedronka.

A Ara continuou a apoiar a Abaco - Asociación de Bancos de Alimentos de Colombia, cuja missão é a de estabelecer alianças estratégicas com parceiros públicos e privados para o combate à fome e ao desperdício alimentar. Em 2016, a Ara doou géneros alimentares, num valor equivalente a mais de 81 mil euros.


APOIOS INDIRECTOS

Com o objectivo de alavancar o envolvimento dos clientes na luta contra a fome, foram recolhidas mais de 1.300 toneladas de alimentos pelos voluntários nas lojas Pingo Doce no âmbito das campanhas do Banco Alimentar Contra a Fome e outras instituições como o C.A.S.A. - Centro de Apoio ao Sem-Abrigo.

Os cartões vendidos a consumidores, convertíveis em géneros alimentares destinados a apoiar estas e outras instituições, totalizaram mais de 184 mil euros.

Na Polónia, em parceria com a Federação dos Bancos Alimentares Polacos e com a Caritas Polska, foram recolhidas nas lojas da Biedronka mais de 1.870 toneladas de géneros alimentares doadas pelos consumidores.

Na Colômbia, a Ara angariou junto dos seus clientes um valor de mais de 51 mil euros, mais 55% do que em 2015, para apoios à Fundación Aldeas Infantiles SOS Colombia, que auxilia mais de 1.654 crianças e jovens provenientes de 2.138 famílias nos municípios de Riosucio, Bolívar e Bogotá, devido à expansão da Ara.